Publicidade

Música

Home > Cultura > null

Gang do Eletro traz irreverência do eletromelody para o Carnaval de Manaus

Para a participação no Bloco Cauxi Eletrizado, a Gang do Eletro vai contar com um apoio de peso, os cantores Juca Culatra e Thais Badu

Diego Oliveira

jornalismo@portalamazonia.com


Eletromelody, é um som peculiar que vem do Pará, e vai fazer a capital amazonense 'tremer' neste segunda-feira, (4), com o show do grupo paraense 'Gang do Eletro', durante o Bloco Cauxi Eletrizado 2019. Em entrevista ao Portal Amazônia, o DJ Waldo Squash, que integra o grupo, falou sobre a apresentação e o repertório que trouxe para o Carnaval de Manaus.

Criado em 2008, o 'Grang do Eletro' ganhou destaque no Pará. Com uma musicalidade espontânea, letras chamativas e coreografias diferentes, os hits  foram parar nas novelas globais, como 'Malhação' e 'A Regra do Jogo'. Em 2018, através de um comunicado nas redes sociais, um dos integranres, a cantora Keila Gentil, informou a saída do grupo.


     
Foto: Divulgação
 

Ainda no mesmo ano, o trio remanescente da Gang do Eletro – Will Love, Marcos Maderito e Waldo Squash – se apresentou na Alemanha com a participação de Nanna Reis, no lugar de Keila. 

O DJ Waldo garante que o eletromelody é um ritmo usado em qualquer época do ano, principalmente, no Carnaval, momento de festa e alegria em todo o Brasil. "É gratificante circular o país para mostrar essa vertente da música amazônida que nasceu na periferia do Pará, e que tanto nos representa. Já tocamos no Carnaval de Pernambuco, Ceará e Bahia, e agora, viemos fazer o Amazonas tremer", afirmou. 

Ouça um dos sucessos da Gang do Eletro:



Em Manaus, a Gang do Eletro vai contar com um apoio de peso, os cantores Juca Culatra e Thais Badu. “São pessoas que estão por dentro dos ritmos do Pará. Após a saída de Keila, a gente chama pessoas que possam agregar ao nosso som e que gostem de 'tremer'. Tenho certeza que o público vai aprovar essa mistura, ainda mais relembrando as canções de pessoas que fizeram história na música paraense”, destacou Waldo. 

Na opinião de Waldo, o Carnaval deixou de ser apenas samba. “Não é mais uma festa clichê, você percebe isso, principalmente em festas de rua. Temos uma sonoridade mais diversificada”, explicou. Sobre o repertório que apresentará no Cauxi, a 'Gang do Eletro' mostrará os hits da carreira, como os sucessos 'Galera da Laje', 'Velocidade do Eletro', 'Só no Charminho', mas também relembrará canções que marcaram o brega no Pará, incluindo as músicas 'Gererê' e 'No Formato do Meio'. 

Bloco do Cauxi

Quer ouvir a sonoridade paraense? A edição 2019 do Bloco Cauxi Eletrizado acontece neste segunda-feira (4), a partir das 16h. Além da Gang do Eletro, o evento contará com a participação da bateria da Mocidade Independente de Aparecida, Alaídenegão, Cabocrioulo, Os Tucumanus e DJ Tubarão. Na bilheteria, o ingresso custará R$ 40.
Música

Gang do Eletro traz irreverência do eletromelody para o Carnaval de Manaus

Para a participação no Bloco Cauxi Eletrizado, a Gang do Eletro vai contar com um apoio de peso, os cantores Juca Culatra e Thais Badu


Eletromelody, é um som peculiar que vem do Pará, e vai fazer a capital amazonense 'tremer' neste segunda-feira, (4), com o show do grupo paraense 'Gang do Eletro', durante o Bloco Cauxi Eletrizado 2019. Em entrevista ao Portal Amazônia, o DJ Waldo Squash, que integra o grupo, falou sobre a apresentação e o repertório que trouxe para o Carnaval de Manaus.

Criado em 2008, o 'Grang do Eletro' ganhou destaque no Pará. Com uma musicalidade espontânea, letras chamativas e coreografias diferentes, os hits  foram parar nas novelas globais, como 'Malhação' e 'A Regra do Jogo'. Em 2018, através de um comunicado nas redes sociais, um dos integranres, a cantora Keila Gentil, informou a saída do grupo.


     
Foto: Divulgação
 

Ainda no mesmo ano, o trio remanescente da Gang do Eletro – Will Love, Marcos Maderito e Waldo Squash – se apresentou na Alemanha com a participação de Nanna Reis, no lugar de Keila. 

O DJ Waldo garante que o eletromelody é um ritmo usado em qualquer época do ano, principalmente, no Carnaval, momento de festa e alegria em todo o Brasil. "É gratificante circular o país para mostrar essa vertente da música amazônida que nasceu na periferia do Pará, e que tanto nos representa. Já tocamos no Carnaval de Pernambuco, Ceará e Bahia, e agora, viemos fazer o Amazonas tremer", afirmou. 

Ouça um dos sucessos da Gang do Eletro:



Em Manaus, a Gang do Eletro vai contar com um apoio de peso, os cantores Juca Culatra e Thais Badu. “São pessoas que estão por dentro dos ritmos do Pará. Após a saída de Keila, a gente chama pessoas que possam agregar ao nosso som e que gostem de 'tremer'. Tenho certeza que o público vai aprovar essa mistura, ainda mais relembrando as canções de pessoas que fizeram história na música paraense”, destacou Waldo. 

Na opinião de Waldo, o Carnaval deixou de ser apenas samba. “Não é mais uma festa clichê, você percebe isso, principalmente em festas de rua. Temos uma sonoridade mais diversificada”, explicou. Sobre o repertório que apresentará no Cauxi, a 'Gang do Eletro' mostrará os hits da carreira, como os sucessos 'Galera da Laje', 'Velocidade do Eletro', 'Só no Charminho', mas também relembrará canções que marcaram o brega no Pará, incluindo as músicas 'Gererê' e 'No Formato do Meio'. 

Bloco do Cauxi

Quer ouvir a sonoridade paraense? A edição 2019 do Bloco Cauxi Eletrizado acontece neste segunda-feira (4), a partir das 16h. Além da Gang do Eletro, o evento contará com a participação da bateria da Mocidade Independente de Aparecida, Alaídenegão, Cabocrioulo, Os Tucumanus e DJ Tubarão. Na bilheteria, o ingresso custará R$ 40.

TAG manausamazonascarnavalCauxi EletrizadoGang do Eletro