Publicidade

Famosos

Filho deixou recado para vocalista do Linkin Park um mês antes do suicídio: "Ame a vida"

Cantor foi encontrado sem vida com marcas de suicídio na última quinta-feira

Portal Amazônia, com informações do iBahia

jornalismo@portalamazonia.com


Um recado deixado pelo pequeno Tyler, de 11 anos, a seu pai, Chester Bennington, viralizou nas redes sociais depois de confirmada a morte do vocalista do Linkin Park. "Ame a vida", escreveu o caçula de seis herdeiros. O cantor foi encontrado sem vida, com sinais de suicídio, em Los Angeles, depois de anos de luta contra a depressão e o vício em drogas e álcool.
 
Foto:Reprodução/Twitter-Talinda Bennington
 
"Pai, aproveite o ensaio ou o que quer que você vá fazer hoje. Ame a vida porque ela é um 'Castelo de Vidro'", lê-se no bilhete, colado em uma caneca do pai, em referência à música "Castelo de Vidro", uma das mais famosas do Linkin Park.

Mãe de Tyler, Talinda Bennington era casada há 12 anos com o cantor. Ela compartilhou uma foto do bilhete em sua conta no Twitter. "Nosso Tyler é melhor!", escreveu na postagem, compartilhada mais de 1,1 mil vezes até a manhã desta sexta-feira (21).  

O bilhete, datada de 2 de junho, chegou a Chester pouco menos de um mês antes do suicídio. Amigos que compareceram à casa do artista depois da confirmação da morte relataram que ele "nunca mais foi o mesmo" desde a morte do grande amigo Chris Cornell, líder do Soundgarden e do Audioslave. O vocalista do Linkin Park, que cantou no funeral do compatriota, se matou no dia em que Cornell faria 53 anos.

Para saber mais acesse o iBahia.

Famosos

Home > Cultura > null

Filho deixou recado para vocalista do Linkin Park um mês antes do suicídio: "Ame a vida"

Cantor foi encontrado sem vida com marcas de suicídio na última quinta-feira

Portal Amazônia, com informações do iBahia

jornalismo@portalamazonia.com


Um recado deixado pelo pequeno Tyler, de 11 anos, a seu pai, Chester Bennington, viralizou nas redes sociais depois de confirmada a morte do vocalista do Linkin Park. "Ame a vida", escreveu o caçula de seis herdeiros. O cantor foi encontrado sem vida, com sinais de suicídio, em Los Angeles, depois de anos de luta contra a depressão e o vício em drogas e álcool.
 
Foto:Reprodução/Twitter-Talinda Bennington
 
"Pai, aproveite o ensaio ou o que quer que você vá fazer hoje. Ame a vida porque ela é um 'Castelo de Vidro'", lê-se no bilhete, colado em uma caneca do pai, em referência à música "Castelo de Vidro", uma das mais famosas do Linkin Park.

Mãe de Tyler, Talinda Bennington era casada há 12 anos com o cantor. Ela compartilhou uma foto do bilhete em sua conta no Twitter. "Nosso Tyler é melhor!", escreveu na postagem, compartilhada mais de 1,1 mil vezes até a manhã desta sexta-feira (21).  

O bilhete, datada de 2 de junho, chegou a Chester pouco menos de um mês antes do suicídio. Amigos que compareceram à casa do artista depois da confirmação da morte relataram que ele "nunca mais foi o mesmo" desde a morte do grande amigo Chris Cornell, líder do Soundgarden e do Audioslave. O vocalista do Linkin Park, que cantou no funeral do compatriota, se matou no dia em que Cornell faria 53 anos.

Para saber mais acesse o iBahia.

TAG musicaMortelinkin parkchester bennington