Publicidade

Variedades

Home > Cultura > null

Espetáculo teatral da Fundação Curro Velho é opção do fim de semana em Belém

A programação começa às 18h com exibições teatrais, musicais e venda de produtos confeccionados pelas oficinas da Fundação

Redação


O quê: Feira da Beira, com espetáculo 'O Auto da Lua Crescente'
Quando: 16 de outubro
Onde: Baía do Guajará, Belém
Horário: 18h
Valor: Gratuito

Nas margens da Baía do Guajará acontece nesta sexta-feira (16), apresentações das oficinas da Fundação Curro Velho no Festival Feira da Beira. A programação começa às 18h com exibições teatrais, musicais e venda de produtos confeccionados pelas oficinas.

Entre os destaque da noite está a peça 'O Auto da Lua Crescente'. A peça é encenada pelos alunos do Curro Velho. A obra tem roteiro original desenvolvido pelos instrutores Allan Carvalho e Mika Nascimento. A trilha sonora foi composta por canções de músicos paraenses.

A obra conta a história de várias 'Marias', interpretadas pelas atrizes que participaram da oficina de teatro e música. "A peça fala dos promesseiros, da corda, de quem vem à Belém para participar do Círio, e claro, das mulheres, que tem papel fundamental nesse processo", conta Mika Nascimento, um dos diretores do auto.
Variedades

Espetáculo teatral da Fundação Curro Velho é opção do fim de semana em Belém

A programação começa às 18h com exibições teatrais, musicais e venda de produtos confeccionados pelas oficinas da Fundação

Redação


O quê: Feira da Beira, com espetáculo 'O Auto da Lua Crescente'
Quando: 16 de outubro
Onde: Baía do Guajará, Belém
Horário: 18h
Valor: Gratuito

Nas margens da Baía do Guajará acontece nesta sexta-feira (16), apresentações das oficinas da Fundação Curro Velho no Festival Feira da Beira. A programação começa às 18h com exibições teatrais, musicais e venda de produtos confeccionados pelas oficinas.

Entre os destaque da noite está a peça 'O Auto da Lua Crescente'. A peça é encenada pelos alunos do Curro Velho. A obra tem roteiro original desenvolvido pelos instrutores Allan Carvalho e Mika Nascimento. A trilha sonora foi composta por canções de músicos paraenses.

A obra conta a história de várias 'Marias', interpretadas pelas atrizes que participaram da oficina de teatro e música. "A peça fala dos promesseiros, da corda, de quem vem à Belém para participar do Círio, e claro, das mulheres, que tem papel fundamental nesse processo", conta Mika Nascimento, um dos diretores do auto.

TAG