Publicidade

Arte

Home > Cultura > null

Curta-metragem produzido em Roraima é selecionado para festival de cinema nacional

A obra com roteiro e direção de Alex Pizano mistura ficção, drama, faroeste e drama de época como um clássico filme de bang bang 'hollywoodiano'

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


O curta-metragem "Cavalgada dos Justos", produzido em Roraima, foi selecionado, entre mais de 500 filmes de todo Brasil, para ser exibido na 2º edição do Festival Jaraguá do Sul 2019. O evento ocorrerá nos dias 16, 17 e 18 de maio em Santa Catarina.


A obra com roteiro e direção de Alex Pizano mistura ficção, drama, faroeste e drama de época como um clássico filme de bang bang 'hollywoodiano'. Com diferencial de que todas as cenas foram gravadas nas serras e lavrados de Roraima, no município de Amajarí.



 

Confira o trailer do curta-metragem:

 

 

 



Dois representantes do filme acompanharão o evento. Somente no último dia de festival serão anunciados os filmes que concorrerão a premiação e a categoria em que foram selecionados. Mas Pizano já se sente vitorioso.


"A expectativa para o Festival são as melhores possíveis, não teria como ser diferente. Afinal estamos falando de uma seleção nacional. Apenas por já estarmos entre os selecionados já é um prêmio", disse.


O diretor atua no cenário cinematográfico do estado há mais de onze anos e já teve outras obras exibidas em festivais brasileiros. "O Estranho", curta lançado em 2011, por exemplo, participou do Festival Internacional de Curtas de São Paulo e o Festival Mineiro de Curtas.

 

 

   
Foto: Divulgação
 

 


Outras produções de Pizano são o média-metragem "Dívida Sangrenta" de 2007, e o longa "Remanescente das Sombras", lançado em 2009 e o primeiro filme roraimense a ser exibido no cinema comercial do estado.

 

Sinopse de "Cavalgada dos Justos"

 

Quando linhas de fronteira não eram limites para desbravadores, o extremo norte do Brasil se torna o destino de homens e mulheres em busca de construir suas vidas, novos desafios, novos sonhos. Enquanto para alguns a conquista vinha através do trabalho suado e honesto, outros a conquistavam através da força bruta e violência.

Arte

Curta-metragem produzido em Roraima é selecionado para festival de cinema nacional

A obra com roteiro e direção de Alex Pizano mistura ficção, drama, faroeste e drama de época como um clássico filme de bang bang 'hollywoodiano'


O curta-metragem "Cavalgada dos Justos", produzido em Roraima, foi selecionado, entre mais de 500 filmes de todo Brasil, para ser exibido na 2º edição do Festival Jaraguá do Sul 2019. O evento ocorrerá nos dias 16, 17 e 18 de maio em Santa Catarina.


A obra com roteiro e direção de Alex Pizano mistura ficção, drama, faroeste e drama de época como um clássico filme de bang bang 'hollywoodiano'. Com diferencial de que todas as cenas foram gravadas nas serras e lavrados de Roraima, no município de Amajarí.



 

Confira o trailer do curta-metragem:

 

 

 



Dois representantes do filme acompanharão o evento. Somente no último dia de festival serão anunciados os filmes que concorrerão a premiação e a categoria em que foram selecionados. Mas Pizano já se sente vitorioso.


"A expectativa para o Festival são as melhores possíveis, não teria como ser diferente. Afinal estamos falando de uma seleção nacional. Apenas por já estarmos entre os selecionados já é um prêmio", disse.


O diretor atua no cenário cinematográfico do estado há mais de onze anos e já teve outras obras exibidas em festivais brasileiros. "O Estranho", curta lançado em 2011, por exemplo, participou do Festival Internacional de Curtas de São Paulo e o Festival Mineiro de Curtas.

 

 

   
Foto: Divulgação
 

 


Outras produções de Pizano são o média-metragem "Dívida Sangrenta" de 2007, e o longa "Remanescente das Sombras", lançado em 2009 e o primeiro filme roraimense a ser exibido no cinema comercial do estado.

 

Sinopse de "Cavalgada dos Justos"

 

Quando linhas de fronteira não eram limites para desbravadores, o extremo norte do Brasil se torna o destino de homens e mulheres em busca de construir suas vidas, novos desafios, novos sonhos. Enquanto para alguns a conquista vinha através do trabalho suado e honesto, outros a conquistavam através da força bruta e violência.


TAG roraimaboa vistacurtacinemafestival