Famosos

Paolla Oliveira denuncia vazamento de fotos nos bastidores de gravação

A Globo informou que as fotos foram feitas sem autorização em um set de gravação em São Paulo

Portal Amazônia, com informações do iBahia

jornalismo@portalamazonia.com


   
Foto:Reprodução/Instagram
 
Na quinta-feira (1º) começaram a circular na internet algumas fotos íntimas de Paolla Oliveira, clicadas e divulgadas sem o consentimento da atriz, durante as gravações de sua nova série da Globo em parceria com a O2 Filmes, intitulada Assédio. Nas imagens ela aparece de costas tirando a lingerie.
Em seu Instagram, a atriz publicou um pronunciamento rechaçando a atitude, que é crime. "Até quando? Até quando a invasão da privacidade de um ser humano, o desrespeito a um ambiente de trabalho e a atitude desonesta de trair a confiança de colegas de trabalho serão tratados como um ato de esperteza em nossa sociedade? Esta é a pergunta que me faço e gostaria de compartilhar com todos", disse a atriz.
"Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina, pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais. O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei. Em um momento em que todos estamos buscando uma sociedade mais correta, não há mais espaço para considerarmos esperteza o que é um desrespeito", continuou.


Famosos

Home > Cultura > null

Paolla Oliveira denuncia vazamento de fotos nos bastidores de gravação

A Globo informou que as fotos foram feitas sem autorização em um set de gravação em São Paulo

Portal Amazônia, com informações do iBahia

jornalismo@portalamazonia.com


   
Foto:Reprodução/Instagram
 
Na quinta-feira (1º) começaram a circular na internet algumas fotos íntimas de Paolla Oliveira, clicadas e divulgadas sem o consentimento da atriz, durante as gravações de sua nova série da Globo em parceria com a O2 Filmes, intitulada Assédio. Nas imagens ela aparece de costas tirando a lingerie.
Em seu Instagram, a atriz publicou um pronunciamento rechaçando a atitude, que é crime. "Até quando? Até quando a invasão da privacidade de um ser humano, o desrespeito a um ambiente de trabalho e a atitude desonesta de trair a confiança de colegas de trabalho serão tratados como um ato de esperteza em nossa sociedade? Esta é a pergunta que me faço e gostaria de compartilhar com todos", disse a atriz.
"Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina, pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais. O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei. Em um momento em que todos estamos buscando uma sociedade mais correta, não há mais espaço para considerarmos esperteza o que é um desrespeito", continuou.

TAG Instagramassediocrimeredes sociaisPaolla Oliveira