Publicidade

Turismo

Home > Cultura > null

Após incêndios, Parque Nacional de Chapada dos Guimarães reabre à visitação nesta quarta-feira

A unidade de conservação, no Mato Grosso, teve os atrativos turísticos fechados desde o dia 9 deste mês, como medida de segurança

Portal Amazônia, com informações do ICMBio

jornalismo@portalamazonia.com


O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães será reaberto à visitação a partir desta quarta-feira (18). Porém, os atrativos Vale do Rio Claro e São Jerônimo (assim como a travessia) continuarão fechados, já que não há previsão de chuvas para os próximos dias e, caso aconteça algum incêndio florestal próximo a esses atrativos, poderá colocar em risco os visitantes.

 

A unidade de conservação, que fica no município de Chapada dos Guimarães, teve os atrativos turísticos fechados desde o dia 9 deste mês, como medida de segurança.

 

 

 
Foto: Acervo/ICMBio

A queimada que atingia o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, em Mato Grosso, havia cerca de três semanas foi controlada pelos brigadistas. No entanto, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) alerta que as equipes de brigadistas ainda não foram dispensadas e continuam atuando para evitar o retorno do fogo. 

 

As origens do incêndio no parque estão sendo apuradas por especialistas americanos, que desembarcaram em Chapada dos Guimarães, no sábado (14). Na manhã desse domingo (15), de acordo com o ICMBio, houve uma reunião para o planejamento dos trabalhos. A apuração das causas está sendo realizada pelo ICMBio, pelos especialistas do Serviço Florestal americano e pela Polícia Federal e corre em caráter sigiloso.

 

 

 

   
Turismo

Após incêndios, Parque Nacional de Chapada dos Guimarães reabre à visitação nesta quarta-feira

A unidade de conservação, no Mato Grosso, teve os atrativos turísticos fechados desde o dia 9 deste mês, como medida de segurança

Portal Amazônia, com informações do ICMBio

jornalismo@portalamazonia.com


O Parque Nacional da Chapada dos Guimarães será reaberto à visitação a partir desta quarta-feira (18). Porém, os atrativos Vale do Rio Claro e São Jerônimo (assim como a travessia) continuarão fechados, já que não há previsão de chuvas para os próximos dias e, caso aconteça algum incêndio florestal próximo a esses atrativos, poderá colocar em risco os visitantes.

 

A unidade de conservação, que fica no município de Chapada dos Guimarães, teve os atrativos turísticos fechados desde o dia 9 deste mês, como medida de segurança.

 

 

 
Foto: Acervo/ICMBio

A queimada que atingia o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, em Mato Grosso, havia cerca de três semanas foi controlada pelos brigadistas. No entanto, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) alerta que as equipes de brigadistas ainda não foram dispensadas e continuam atuando para evitar o retorno do fogo. 

 

As origens do incêndio no parque estão sendo apuradas por especialistas americanos, que desembarcaram em Chapada dos Guimarães, no sábado (14). Na manhã desse domingo (15), de acordo com o ICMBio, houve uma reunião para o planejamento dos trabalhos. A apuração das causas está sendo realizada pelo ICMBio, pelos especialistas do Serviço Florestal americano e pela Polícia Federal e corre em caráter sigiloso.

 

 

 

   

TAG Chapada dos Guimarãesincendios na amazoniaqueimadas na amazonia